PUC-SP Voltar para página inicial
 
Espetáculos
Página inicial > Espetáculos > Se Fosse Fácil, Não Teria Graça.
Se Fosse Fácil, Não Teria Graça.
 

Gênero
Humor

Temporada
De 13 de abril a 26 de maio

Dias
Sex às 21h00, Sab às 21h00 e Dom às 19h00

Duração
80 minutos

Indicação de faixa etária
14 anos

Local
TUCA – Teatro da PUC-SP
Rua Monte Alegre, 1024 – Perdizes - São Paulo – SP (Entrada pela rua Bartira)

Capacidade
150 lugares

Ingressos
R$20,00 - Acesso para pessoas com deficiência.

Vendas

Pela Internet: www.ingressorapido.com.br
(aceita todos os cartões de crédito)

Horários de funcionamento da bilheteria:
De terça-feira a sábados das 14h00 às 18h00.
Domingos das 14h00 às 19h00.

Formas de Pagamento:
Amex, Aura, Diners, Dinheiro, Hipercard,
Mastercard, Redeshop, Visa e Visa Electron.

Estacionamentos conveniados:
MultiPark - Rua Monte Alegre, 961 – R$25,00 – Tel.: (11) 3177-5555.

Vaz Estacionamentos - Rua Monte Alegre, 835 - R$18,00 (Valor válido somente mediante a apresentação de ingressos das peças em cartaz no TUCA)
Tel.: (11) 3171-3680
Prisma Park Valet : SEXTA, SÁBADO E DOMINGO, R$30,00.

Sobre o espetáculo

Assistido por mais de 20 mil pessoas ao longo de seis anos, o solo Se Fosse Fácil, Não Teria Graça, do autor e intérprete Nando Bolognesi, desembarca no TUCARENA entre os dias 13 de abril a 26 de maio, para mais uma temporada popular, com ingressos a R$ 20,00. Espetáculo conta com patrocínio da Novartis através da Lei Rouanet.

Considerado a primeira “sitdowntragedy” (o contrário de stand-up comedy), o monólogo autobiográfico é inspirado no livro “Um Palhaço na Boca do Vulcão”, no qual o artista conta como precisou aprender a conviver com uma doença degenerativa, progressiva, incurável e incapacitante.

Nando descobriu que tinha esclerose múltipla com apenas 21 anos e, entre os tratamentos com células-tronco e quimioterapia, descobriu-se apaixonado por teatro e palhaços. Com bom humor, ele apresenta um relato comovente sobre como transformar dificuldades, limitações e crises em alegrias, realizações e desafios.

O intérprete compartilha com o público suas reflexões sobre a vida, a morte, o nosso lugar no universo e a nossa relação com a alteridade. Sem pieguices, a tragicomédia convida a todos a repensar seu modo de estar no mundo e sua visão sobre a vida.

Sobre Nando Bolognesi

Nando Bolognesi nasceu em maio de 1968. Formou-se em economia na USP, história na PUC, e concluiu o curso técnico de formação de atores da Escola de Arte Dramática EAD-ECA-USP. Trabalhou no cinema, televisão e teatro com diretores consagrados como Hector Babenco, Laís Bodansky, Fernando Meirelles, Celso Frateschi, Elias Andreato, José Rubens Siqueira, Wellington Nogueira, William Pereira, Cristiane Paoli Quito e Hugo Possolo entre outros.

Integrou o elenco de palhaços dos Doutores da Alegria (2001/2005), criou e dirigiu o projeto Cidadão Clown (2002); criou, atuou e dirigiu o grupo “Fantásticos Frenéticos” – palhaços em Hospitais psiquiátricos (2006-2008); integrou o elenco de palhaços improvisadores no espetáculo Jogando no Quintal (2002/2012). Publicou o livro “Um palhaço na boca do vulcão” (ed. Grua), em agosto/2014. E apresenta o espetáculo “Se fosse fácil, não teria graça” em teatros, empresas e universidades desde agosto de 2013.

Nando Bolognesi recolhe de sua experiência, própria ou relatada, os causos e acontecimentos que viveu desde que recebeu um diagnóstico médico e transforma isso em outra vivência aos que assistem a seu espetáculo.

Assim como em seu livro UM PALHAÇONA BOCA DO VULCÃO (ed. Grua livros), em “Se fosse fácil, não teria graça” o autor não informa apenas sobre o que lhe ocorreu.

Sempre com muito bom humor, vai contando como aquilo que viveu o afetou e o transformou. Com isso tudo impregnado em seus gestos e pontos de vista, oferece ao espectador a vivência profunda daquilo que relata.

Ao final de capa espetáculo, ator/narrador e público/ouvinte saem com algo novo incorporado a suas coleções de experiências vividas e repertórios sobre aprendizados inesquecíveis.

Com

Autor: Nando Bolognesi
Direção: Nando Bolognesi
Assistente de Direção: Élida Marques
Elenco: Nando Bolognesi
Cenário e Figurino: Nando Bolognesi
Iluminação: Marcelo Pessoa
Assessoria de imprensa:Pombo Correio
Produção: Élida Marques Produções Artísticas Ltda
Produção: Élida Marques Produções Artísticas Ltda
Coordenação administrativo financeiro: ATCultural
Intérprete de Libras:
Mariana Lima
Daniela Oliveira

Galeria de fotos
Ingressos

Sextas, Sábados e Domingos - R$ 20,00

(Desconto de 50% para Estudantes, Maiores de 60 anos, Professores da Rede Pública Estadual e Classe Artística com DRT)


comprar ingresso
Rua Monte Alegre, 1024 . Telefones: Administração (11) 3670-8453 / Secretaria: 8458 / Locações: 8460 / Comunicação: 8462 / Centro de Documentação e Memória: 8468
Copyright © 2011 Teatro Tuca. Todos os direitos reservados.
| DTI-Núcleo de Mídias Digitais